Notícias
 
( 04/04/2017 ) Slow Food e organizações internacionais confirmam presença no Encontro da Rede Ecovida
 

Foto: donatários da IAF já participaram do Encontro Ampliado em Marechal Cândido Rondon

Junto com centenas de famílias agricultoras, consumidores e técnicos dos três Estados do Sul do Brasil, organizações da América Latina e Caribe e cozinheiros do Movimento Slow Food Brasil, participarão do 10º Encontro Ampliado da Rede Ecovida, dias 21, 22 e 23, em Erechim. Estamos planejando levar 45 participantes de 30 organizações, de 11 países. O foco será em certificação participativa, sistemas de comercialização (incluindo comércio justo e economia solidária), e mais dois ou três temas a serem definidos em breve, disse o representante da Inter-American Foundation (IAF) David Fleischer. A IAF é uma instituição parceira de projetos de desenvolvimento social. No Brasil apoia 28 projetos, a maioria de fomento à agroecologia.

O Movimento Slow Food Brasil estará representado por cinco cozinheiros, do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, que serão responsáveis pelos almoços e jantares do Encontro. Conforme o cozinheiro e idealizador da cozinha de natureza Rodrigo Bellora, cada chef ficou responsável por uma dessas refeições, com o objetivo de trazer mais a cara da sua região pro seu momento da cozinha. Bellora antecipou que a ideia é repaginar a forma de entender os alimentos: A gente está muito acostumado a comer o chuchu de uma maneira e ele pode ser supervalorizado de outras maneiras. A gente quer mostrar um pouquinho disso. Sejam as abóboras, as morangas, os legumes de uma maneira geral.

Núcleo Litoral Solidário estará presente no Encontro
Até o dia 4, a lista organizada pelo Centro Ecológico contava com 60 participantes de cooperativas de consumidores, cooperativa de produtores (Econativa), ONGs de assessoria técnica e 13 grupos de produção ecológica de diferentes comunidades de Osório, Maquiné, Santo Antônio da Patrulha, Três Forquilhas, Morrinhos do Sul, Três Cachoeiras e Torres que fazem parte do Núcleo Litoral Solidário da Rede Ecovida de Agroecologia.

Núcleos integram a Ecovida nos três Estados do Sul
A Rede Ecovida é formada por núcleos em quase todas as regiões do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Cada núcleo integra famílias agricultoras, entidades de assessoria técnica, cooperativas, pontos de venda, agroindústrias e feiras. Uma das conquistas da rede é o reconhecimento pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) do Sistema Participativo de Garantia (SPG) para alimentos orgânicos.


   
 

Cursos

21/6
Curso Princípios Básicos de Agricultura Ecológica
27/6
15a Feira da Biodiversidade e 8a Feira da Economia Solidária


 

Ipê-Serra - Rua Luiz Augusto Branco, 725 - Bairro Cruzeiro / Cep: 95.240-000 / Ipê - RS / Fone: 0xx (54) 3233.16.38 / E-mail: serra@centroecologico.org.br
Litoral Norte - Rua Padre Jorge, 51 / Cep: 95.568-000 / Dom Pedro de Alcântara-RS / Fone/fax: 0xx (51) 3664.02.20 /E-mail:litoral@centroecologico.org.br